fbpx

Como fazer o recrutamento e seleção das primeiras pessoas do meu time?

Como fazer o recrutamento e seleção das primeiras pessoas do meu time?

Você sabe como fazer recrutamento e seleção das pessoas do seu time? Essa parece uma tarefa bem simples, afinal, basta publicar uma vaga e irão aparecer alguns interessados. Porém, para que sua startup tenha sucesso, é necessário ter um processo de contratação correto.

Nesse artigo você confere tudo o que precisa saber sobre como fazer o recrutamento e seleção, além de contar com dicas de Daiane Andognini, mentora do Startup SC na área de gestão de pessoas.

 

O que é recrutamento e seleção?

 

A estruturação de como fazer o recrutamento e seleção do seu time é uma função do RH. A primeira etapa desse processo é atrair as pessoas e escolher aquelas mais indicadas para a vaga e para sua startup. Dada a importância deste processo para a construção de uma empresa alinhada, diversas novas técnicas e metodologias vêm sendo especializadas a cada dia.

As mudanças mais recentes neste sentido para recrutamento e seleção foi para um processo mais estratégico, uma vez que a tecnologia ajuda a transformar também o perfil dos candidatos. E encontrar a pessoa certa, ajudará seu negócio a se destacar no mercado.

 

Qual a importância de implementar boas práticas?

 

Segundo Daiane Andognini, mentora em gestão de pessoas no programa de capacitação Startup SC, seguir boas práticas de recrutamento e seleção auxiliará na escolha certa do profissional para a vaga. Uma vez que nem toda pessoa boa serve para qualquer cargo. Por isso, o objetivo do cargo é tão importante quanto o perfil do profissional. Selecionar e recrutar as pessoas certas é uma prática que aumenta as chances de acertar na contratação.

A importância de ter um processo coeso e saber como fazer o recrutamento e seleção é de garantir que os valores e o jeito de trabalhar dos novos contratados estejam alinhados com a cultura organizacional da sua empresa. 

Afinal, seus clientes escolheram a sua marca não só pelo preço, mas também pela maneira que seus colaboradores irão atendê-los e resolver os problemas deles. Por isso, ter um processo que busque exatamente a pessoa que irá se encaixar na sua empresa é fundamental.

Sabendo como fazer o recrutamento e seleção, você terá na sua empresa pessoas engajadas e produtivas, além de terem posicionamentos e comportamentos compatíveis com os valores do seu negócio. Assim, mais uma vez a marca conseguirá se destacar no mercado, contando profissionais qualificados que a levarão ao sucesso.

 

Como fazer o recrutamento e seleção?

 

Há pontos nesse processo que são fundamentais para você ter sucesso. Daiane afirma que “antes de mais nada é importante ressaltar que cada empresa precisa “aprender” a fazer o recrutamento de acordo com as suas experiências, dados, testando hipóteses para incorporar novas experiências e assim melhorar continuamente seu método.”

Ela reforça que, dessa forma, os principais pontos de um recrutamento e seleção devem ter interações – sejam online, presencial ou vivencial -, para entender melhor a trajetória do profissional, como ele pretende resolver os desafios do cargo e alinhar os objetivos futuros de ambos.

Apesar do termo “recrutamento e seleção” sempre aparecerem junto, eles têm significados diferentes, mas se complementam no processo. 

 

Recrutamento

Esse é o conjunto de informações, técnicas e procedimentos usados para atrair os candidatos. Essa é a etapa de criação da descrição da vaga, divulgação nos canais online ou offline, e por fim, recebimento de currículos. 

E para que o processo tenha o máximo de possíveis candidatos, é essencial descrever a vaga de maneira a atrair os olhares. Esse será o primeiro contato da pessoa com a sua empresa, então inclua também uma breve descrição do negócio, sua cultura e valores, para que os candidatos tenham a oportunidade de, desde aquele primeiro momento, se apaixonarem pela empresa.

Divulgue as vagas em redes sociais, sites especializados, agências de empregos, entre outros que façam sentido de acordo com os canais em que o seu público desejado para contratação está. Lembre-se de que recrutamento não precisa ser feito apenas quando há vagas disponíveis, mas também para ter um banco de talentos.

 

Seleção

Na etapa seguinte a sua startup irá escolher o candidato. Para isso, há inúmeros testes e atividades que podem ser compartilhados, além do processo de entrevistas, para que assim você selecione apenas aquele que se encaixe perfeitamente com a vaga e com a empresa. 

Alguns exemplos de atividades que podem ser aplicadas nesta etapa são: 

  • testes;
  • vídeos;
  • entrevistas;
  • dinâmicas.

Dentre eles, você deve escolher aqueles que farão sentido para o que você está buscando, de acordo com as características da vaga em questão. Essa é uma fase decisiva para selecionar o profissional, mas também é um momento no qual os candidatos estão apreensivos aguardando o resultado do processo. Por isso, lembre-se de sempre dar retorno a todos, mesmo àqueles que não foram selecionados, pois isso também ajuda a fortalecer a imagem empregadora da sua marca no mercado.

Para saber como fazer o recrutamento e seleção das primeiras pessoas do seu time, Daiane reforça dicas importantes: “escolha pessoas multitask, que tenham vontade de aprender e disposição para resolver problemas ainda não decifrados. Para startups em fase inicial o processo todo envolve muito trabalho duro e mão na massa, então os selecionados devem ser pessoas que fazem e acontecem mesmo sem ter o caminho tão claro ainda, e que vão descobrindo as melhores práticas ao longo da jornada.”

Recrutamento e seleção de candidatos é uma etapa fundamental da formação e crescimento de toda e qualquer startup. Na edição de 2020 do Case Startup Summit uma série de palestras na trilha de Cultura e Talentos para abordaram essa temática para ajudar a sua startup a aprimorar seus processos. Para mais conteúdos, acompanhe também o blog do Startup SC.

Alexandre Souza

Coordenador do Startup SC, projeto do Sebrae/SC que tem como objetivo o desenvolvimento e fortalecimento das startups catarinenses.